O DESENVOLVIMENTISMO DE GETÚLIO VARGAS E A POSITIVAÇÃO DE DIREITOS DAS MULHERES NO BRASIL

Taylisi de Souza Corrêa Leite

Resumo


Este trabalho retrata a vinculação da política econômica heterodoxa da Era Vargas ao seu modelo positivista de gestão estatal, a fim de demonstrar que a positivação de direitos para as mulheres estava inserta no projeto desenvolvimentista de Getúlio Vargas, marcado, primordialmente, pela busca do desenvolvimento de um capitalismo independente no Brasil. Para apresentar seu argumento, este artigo percorre as políticas econômicas varguistas e seu projeto de industrialização, para afirmar que Vargas adotou uma política econômica heterodoxa e, em seguida, o texto vincula essa tese ao modelo político adotado por Getúlio Vargas. A imbricação entre o modelo político e o modelo econômico de Vargas foram profundamente marcados pelo desenvolvimentismo, pelo autoritarismo e pelo sindicalismo de iniciativa estatal, que serão apresentados nos tópicos subsequentes. Por fim, este trabalho vincula todo este estofo á positivação dos direitos políticos e sociais das mulheres, no Brasil, especialmente, nas décadas de 1930 e 1940.


Palavras-chave


VARGAS, DESENVOLVIMENTISMO, INDUSTRIALIZAÇÃO, DIREITOS SOCIAIS, MULHERES, AUTORITARISMO

Texto completo:

PDF

Referências


BASTOS, Pedro P. Z. Ortodoxia e Heterodoxia econômica antes e durante a Era Vargas (pp. 179-218). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012a.

_______. A construção do nacionalismo econômico de Vargas (pp. 253-294). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012b.

BRESSER-PEREIRA, Luiz Carlos. Getúlio Vargas: o Estadista, a Nação e a Democracia (pp. 93-120). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012.

CANO, Wilson. Crise de 1929, Soberania na Política Econômica e Industrialização (pp. 121-158). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012.

CARDOSO, Irede; CARDOZO, José Eduardo Martins. Caminhos da constituinte: o direito da mulher na nova constituição. São Paulo: Global, 1986.

COLISTETE, Renato Perim. O desenvolvimentismo cepalino: problemas teóricos e influências no Brasil. In: Estudos Avançados [online]. 2001, vol.15, n.41, pp.21-34. Disponível em: . Acesso em 29.04.2016.

COUTO, Berenice Rojas. O Direito Social e a Assistência Social na Sociedade Brasileira: uma equação possível? São Paulo: Cortez, 2004.

FERNANDES, Florestan. Capitalismo dependente e as classes sociais na América Latina. 2 ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1975.

FERREIRA, Jorge. Os conceitos e seus lugares: Trabalhismo, Nacional-estatismo e Populismo (pp. 295-322). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012.

FONSECA, Pedro C. D. Gênese e Precursores do Desenvolvimentismo no Brasil (pp 21-50). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012.

FURTADO, Celso. Formação econômica do Brasil. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1959.

_________. Desenvolvimento e Subdesenvolvimento. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1961.

GOMES, Ângela de Castro. Autoritarismo e Corporativismo no Brasil: O Legado de Vargas (pp.69-92). In: BASTOS, Pedro Paulo Z; FONSECA, Pedro Cezar D. (org.). Era Vargas: desenvolvimentismo, economia e sociedade. São Paulo: Unesp, 2012.

LEVINE, Robert M. O Regime Vargas, 1934-1938: os anos críticos. Tradução Raul de Sá Barbosa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.

LIMA, Heitor Ferreira. História Político-Econômica e Industrial do Brasil. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1970.

MORAES, Reginaldo C. Celso Furtado: O subdesenvolvimento e as idéias da CEPAL. São Paulo: Ática, 1995.

PIMENTEL, Sílvia. Evolução dos direitos da mulher: norma, fato, valor. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais. 1978.

SKIDMORE, Thomas. Brasil: de Getúlio Vargas a Castelo Branco. Tradução coordenada por Ismênia Tunes Dantas. 7 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.




DOI: https://doi.org/10.17808/des.54.787

Apontamentos

  • Não há apontamentos.