O Movimento Feminista: modernidade, identidade e a mulher

Mariana Fittipaldi

Resumo


O trabalho retrata o papel das mulheres na sociedade, representantes que são de um dos grupos sociais que vem há muito tempo lutando por eus interesses a fim de não só terem seus direitos reconhecidos, como também de verem a si próprias reconhecidas na sociedade. Para isso, é feita uma análise do Movimento Feminista e exposta a crítica de Habermas a respeito, a fim de que se possam considerar quais foram até então as conquistas alcançadas e as conseqüências geradas pelo movimento em destaque, quais as carências que ainda prevalecem e concluir-se sobre o que é ser mulher hoje.

Palavras-chave


Modernidade; identidade; mulher; movimento feminista; crítica habermasiana.

Texto completo: PDF

DOI: 10.17808/des.27.312

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista Direito, Estado e Sociedade

ISSN: 1516-6104