O esperanto jurico, a utopia da lgua normativa universal perfeita e o relativismo do direito

Arnaldo Sampaio de Moraes Godoy

Resumo


O ensaio explora a pretens totalizante que hna concepo de um esperanto jurico, o que nos conduziria a uma lgua normativa universal de uso comum. Aponta para a imprestabilidade da tentativa, como decorrcia da aceitao de que hcerta relatividade no Direito, nada obstante a possibilidade de que busquemos padrs mimos de indicao de dignidade humana.

Palavras-chave



Texto completo: PDF

DOI: 10.17808/des.41.17

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Revista Direito, Estado e Sociedade 42

ISSN: 1516-6104